sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

(.carta para Isa.)

dezesseis de janeiro de dois mil e nove, às 10horas e 51minutos
Minha pequena Isa...
Hoje eu acordei com uma saudadezinha boa de voce... saudade com gosto de nuvem, lembra?
A tia tem tido dias lindos, mas miúdinhos... quietinhos sabe...
Voce aparece em mim as vezes, e isso é tão bom!!!!
Me faz acreditar que talvez eu não tenha me perdido tanto assim de mim nos ultimos 3 anos.
E é bom, é bom te encontrar sentadinha na escada me esperando, naqueles dias em que volto pra casa, com aquela dorzinha no peito que só eu sei, dessa sensação que espanca, de quem não tem ninguem esperando... solto um suspiro e abro o portão, e lá esta você com essa carinha sapeca me estendendo a mão e falando "ôôô tiiiiia, vc demorou heim? Toma aqui esse desenho..."
Ai, você me desmonta!
E eu confesso sim que de vez enquando tenho vontade de te roubar... pra brincar um pouco na praça, comprar algodão doce e lambusar a cara, andar com um balão vermelho na mão, deitar e rolar naquela grama verdiiiinha... ta bom, eu gosto de te mimar!
aiai! Sabe que na verdade mesmo, acho que queria era te tocar... passar a mão no teu rostinho!
Gosto de te imaginar dormindo Isa, eu ficaria a noite inteiriiiiinha só te olhando... Você tem tudo de bonito que um dia eu guardei nem sei aonde...
E talvez seja por isso que as vezes "você me dói tanto"...
Não, não chora... é uma dorzinha boa Isa, um dia a tia te explica... (ou não, poque as vezes acho mesmo que você vai ser sempre assim, miúda! E gente miúda não precisa saber essas coisas que espancam não...)
Te amo sempre e profundamente, você é uma das poucas coisas que eu sei bem que não vai perder o sentido pra mim, você está em mim Isa!
um beijo de crepon...
com tudo de bom que tenho guardado aqui...
thane!
ps.: a tia agora tem um peixe, chama-se Dorothy, você vai gostar dela, eu sei!
Sei também que você sabe bem a hora de aparecer, pois apareça... a tia comprou 'glibsses' pra você brincar!

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

(vem, vamos navegar como eles...)

t.: hoje o dia ta de que cor?
m.: branco. e ai?
t.: vento tem cor? Porque aqui ta uma cor parecida com vento...
m.: tem sim, cor de historia pequena e profunda, meio vermelho veludo eu acho...
t.:é por ai...
.
.
.pra nós, que sempre nos encontramos meio felizes e perdidos nessas janelas...

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

(dos sonhos reencontrados...)

(...aqueles que simplesmente não se guardam...)
...quase
....o telefone. dizem por ai que a chuva atrapalhou.
...de quem ja havia dito antes "Por favor, não me deixe sozinha à conversar com essa garrafa de café, por favor..."
...aqui nesse Lugar carregado de quase tudo.
.mas é que... quase, quase tudo mudou.
04do01
19hs.34min.
pelos telhados...